Por Filipe Manzoni

Neste dia 15 de setembro, a equipe Desafio Solar Brasil esteve com Luiz Felipe, piloto da equipe Arpoador, para um ligeiro bate-papo a respeito da equipe e do andamento do projeto.

O grupo completo conta ainda com Diego Sodré, Franklin Andolph, Luciano Sobrin, Felipe Grael e Bernardo, todos graduandos em engenharia naval pela UFRJ, e todos com experiência e cultura náutica para a empreitada.

E equipe, que trabalha dentro do Pólo Náutico da UFRJ, revela que usará o catamarã padrão, fornecido pelo pólo, e após alguns contratempos, foi decidido utilizar também a bateria Moura. O projeto, que se encontra em fase de montagem da parte elétrica, apenas aguarda pela chegada de alguns componentes finais para a conclusão. Componentes tais qual o motor proveniente do apoio do instituto de ciência náutica.

Mesmo recebendo um grande auxilio técnico por estar inserida dentro do Pólo Náutico, a equipe aponta para grandes dificuldades para a arrecadação de recursos e patrocínio do projeto, colocado como uma das maiores barreiras encontrada pela equipe. A falta de verba acabou por baixar um pouco as prioridades do projeto.

Porém, nenhuma barreira sendo proibitiva, a equipe faz a previsão: “dentro de poucas semanas o barco já deve estar na água”, pronto para competir.

arpoador

Arpoador

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s